quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Emissário submarino do Mar Grosso começa a ser desobstruído


Os técnicos acreditam estar próximo da solução do problema que afeta o sistema de disposição submarina do esgoto da região do Mar Grosso, em Laguna. No final da tarde de terça-feira e início da manhã desta quarta-feira houve a desobstrução parcial do emissário.

A injeção de ar através do Chaminé de Equilíbrio (estrutura de 12 metros de altura localizada na beira da praia) resultou em bolhas na superfície do mar próximo à extremidade da tubulação, a mais de 1 quilômetro da costa. As bolhas revelam que a operação de desobstrução está dando certo. Assim, ainda na manhã de hoje o efluente começou a ser bombeado para o emissário, mesmo que de forma gradativa.
Para alcançar a extremidade, a 1.500 metros de distância e a 9 metros de profundidade, os mergulhadores estão agora retirando a areia que cobre a tubulação. Assim que for totalmente desobstruída a ponta do emissário, a Companhia poderá suspender a operação terrestre que conta, entre outras ações, com auxílio de seis caminhões hidrojato para sugar o esgoto.
Uma força-tarefa de mais de 30 profissionais, incluindo técnicos, engenheiros e mergulhadores está envolvida na operação
Fonte: Casan


Nenhum comentário:

Postar um comentário