domingo, 19 de março de 2017

ZÉ MALA: DUAS BOMBAS FORAM JOGADAS NESTE FINAL DE SEMANA NA NOSSA CIDADE

Zé Mala
ANÔNIMOS COVARDES E SEM CARÁTERES
Fiquei de boca aberta. Na calada da noite enquanto dormíamos o sono da Paz, e dando ao corpo cansado o repouso devido ao dia de labuta, alguém desvirginava a calada da madrugada.
Feito cães raivosos, bandidos raivosos, invadem casas e por debaixo das portas e janelas botavam PANFLETOS denegrindo a imagem de pessoas enquanto dormia e descansava seu corpo.
A que ponto senhores, um ser que se diz humano, levar a fazer um trabalho deste porte, de hipocrisia, e até de morte.
Esse é o tipo de coisa que não tem nada a ver com a população.
São assuntos políticos cabíveis dentro dessa corrupta e porca polícia. Satisfazeres seus egos, que foram bem maiores que suas razões são muito animalescas.

TEMOS QUE NOS VIGIAR PERMANENTEMENTE
O inimigo ou demônio aproveitam de nossas fraquezas para agir e derramarem sobre os outros os venenos da maldade e violência sobre alguém.
O homem maluco age sem escrúpulo e agride a quem quer que seja. Nenhum de nós pode escapar das garras desses malditos, e de traições dessas espécies.

ESSA COISA DE CARTINHA ANÔNIMA
É coisa muito antiga. É do tempo que eu não usava camisinha e saia a vadiar, porque nada pegava, a não ser gonorreia ou cancro etc. procurávamos uma farmácia, aplicávamos uma penicilina e tudo escorria ralo abaixo, e ninguém sabia. No outro dia estávamos todos novinhos para começarmos tudo de novo.
No mundo moderno em que vivemos onde a modernidade impera, câmeras de televisão são instaladas em qualquer ponto em lugares públicos, registrando nesse exato momento a desgraça do acontecido. Essa equipe não evoluiu em nada. Continuam vivendo nesse seu mundinho negro e maldito de traição. Hoje a cidade comenta esse ato de vandalismo e terrorismo, jogando seus nomes nos piores currais de bichos escrotos.

ÀS ESCONDIDAS NÃO DÁ CERTO
Não adianta. Embaixo do SOL tudo é descoberto. Já dizia minha mãe, e também a BIBLIA. Mais cedo ou mais tarde tudo vem à tona. Neste caso não levou nem 24 horas.
Quero deixar bem claro: não sei os nomes e nem quem são os infelizes. Mas se soubesse avisaria seus familiares e daria uma boa sova bem dada, para que esses e viventes não cometessem novos delitos. Estár nas mãos dessas rapaziadas covardes e desordeiras, é botar  em risco nossas vidas, e nossos sossegos.

UNS SÃO COVARDES ANÔNIMOS, OUTROS ESCANCARAM E METEM O PAU POR ONDE PEGAR
Somos limitados. Vingativos. Perigosos. Quando está tudo bem. Ótimo. Quando fizemos algo que mexe conosco, corremos pra cima feita uma cascavel. Corajosa nem tanto. Bastante escandalosa, talvez. Baixa, quem sabe. Sem vergonha nenhuma, em tornar público sua vida privada.  A privacidade é uma coisa santa. Só eu ou outra pessoa é que sabemos. Faz a gente pensar: o que fizeram juntos, para causar tanto desespero, tanto rancor, tanta agonia.  A boca com certeza não é boa. Pessoas que gostam de ficar com o rabo preso. Estão sempre se ameaçando. Se fizer de novo eu conto. Como vivem essas pessoas? Construindo o seu inferno neste paraíso que é a terra.
Não sei o que houve, e por qual razão uma pessoa faz isso. Mas te falo. Vale a penas ser livre. Poder voar mais alto que puder. Respeitar o limite do outro.
Dormir e acordar todas as manhãs, agradecer a DEUS pela vida. Sair para o trabalho livre de todas as preocusações. Experimente o sabor da LIBERDADE, o canto dos pássaros, do caráter do amor e da honestidade. Não de importância para o amanhã, ele não existe. Existe sim para os privilegiados.
A família sempre em primeiro lugar. Se não tiver vocação para o matrimonio, não case. Somos obrigados assumir qualquer ato com responsabilidade, o bem e o mal. Tudo o que temos tem que ser adquirido com o suor de nosso trabalho. E ser feliz com o muito e o pouco que temos. Nunca ser vigiado e ter medo em ser apontado por aquilo que fizemos. Sejamos felizes. Demonstre que a felicidade ainda existe. Se preocupem mais com o próximo. Esse é um dos maiores dons, quando descobrimos que há pessoas piores que nós. Ninguém é perfeito. E  quem não tiver pecado que atire a primeira pedra.

WILKE ME DESAFIA, E VENCE
É a vida. Gosto de escrever. Mas de quando em quando me esqueço. Parece que durmo. Acordo. E vai passando os dias e eu vou me estreitando até que vira séculos.
Mas (Vilk) é um amigão .Dá-me umas chacoalhadas, me enche  de prazer e estímulo e volto a fazer o que gosto. Wilke é um carinha muito inteligente, escreve muitíssimo bem, principalmente agora que comprou dois olhos novinhos e está enxergando mais do que convém. Pedem para ele tirar os óculos, vocês vão ver um belo oriental, de olhinhos puxados e tudo. Ficou muito bonitinho.
Paulo Sergio o diretor e dono do jornal, um carinha de uma paciência e de uma bondade infinita. Me dá  liberdade então aproveito a minha vadiação durmo e rolo.
Vocês sabem que tenho uma legião de fãs? Eles me cobram quando volta a escrever? Depois então que (Vilk) publicou, no último jornal me desafiando o telefone  não para de "trimm trimm". Orgulho-me bastante sabendo o que escrevo é também bastante lido.
Obrigado! Beijão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário