quinta-feira, 16 de março de 2017

Administrador do Terminal Pesqueiro de Laguna participou da Sessão Ordinária na Câmara de Laguna


Na Sessão Ordinária desta quarta-feira (15), presidida pelo vereador Cleosmar  Fernandes,  os parlamentares lagunsenses estiveram reunidos para discutir projetos em tramitação e ouvir a manifestação do administrador do Terminal Pesqueiro Público de Laguna, Evandro Almeida, sobre a situação da pesca profissional na cidade.  

O convite foi feito pelo vereador Antonio Laureano, e aprovado em plenário.
Almeida iniciou sua fala ressaltando as dificuldades que encontrou quando chegou ao Terminal Pesqueiro. “Tivemos um papel muito importante na relação entre a Codesp e os armadores, para que houvesse entendimento da proposta da Companhia” disse.

O setor pesqueiro é responsável por quase 38% da economia da cidade Laguna. Segundo Evandro Almeida, pelo menos 70 (setenta) famílias estão empregadas diretamente ao Terminal Pesqueiro. As despesas giram em torno de R$ 450mil, mensais. “Estamos trabalhando para fazer o porto funcionar efetivamente, para isso vamos ter um investimento de aproximadamente R$ 800mil para a reforma da fábrica de gelo. Mas não será uma simples reforma” destacou Almeida.

O administrador comentou que é formado em Administração, mas que simples ações foram feitas e que surtiram efeitos. “Tem coisas que conseguimos na parceria”. Evandro afirmou que os compromissos assumidos pelo presidente da Codesp.

O Terminal Pesqueiro de Laguna, ainda não está ligado a nenhum ministério. Os investimentos no já ultrapassam R$ 26milhões, porém o Ministério do Transportes tem orçamento, mas não tem interesse no Terminal. Já o Ministério da Agricultura tem interesse no Terminal, mas não tem orçamento. “Vamos aguardar num ajuste desta situação nos próximos dias”, comentou Almeida.

Evandro Almeida ouviu a manifestação dos vereadores; Antonio Laureano, Kleber Lopes, Peterson Crippa, Rodrigo Moraes e Osmar Vieira.


Sidnei
Assessoria de Relações Públicas e Comunicação Social


Nenhum comentário:

Postar um comentário